sábado, 1 de setembro de 2012

Quase pronto

Pairando
Como
Películas finas
No ar
Equilibrando-se
Entre um respiro
E outro
Pisando
Nas desatenções
E acima do
Burburinho
Que a gente
Achincalha
E grita e fala
E geme e chama
Aí, sem que se nem
Percebam
Paira
O cheiro do café novo

Nenhum comentário:

Postar um comentário