terça-feira, 17 de abril de 2012

out of the blue

È premente já o fim de semana. O alaranjado nas folhas que caem ilumina o chão dos transeuntes.vai já alta a primavera e a cerejeira delicadamente toca cada face rosada e os sorrisos pululam por cada jardim e é bom ter-te por perto.there ara that feelings and I hope find someone to talk about this little things of my life, like a cheri blosom and, the world where the life have a aim, so Im truth have.will I do. É possível ainda pensar ou imaginar esperar que se - no-lo seja dado uma realidade mais viva e quente com mais cor,nas pessoas nas flores e, mesmo,onde caminhos caiados cheios dos atabalhoados passantes com seus cabelos de pontas e olhos amendoados,fundos e doces: Há conquanto Um devaneio simples Na doçura das tuas faces Rosácea Cadente, sorridente Não há nada Para alem Disto, que necessito. Para substanciar Toda minha vida Na perfeição deste mundo De hora em diante Ou por hora Continuo difuso nos Teus olhos E lembrando da caricia Do afago a contrapelo. Catarse

Nenhum comentário:

Postar um comentário