terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Sinfonia(luis)

Linhas intrínsecas

Mil rosas perdidas

Caídas em teus pés

Meu canto só

O alaranjado-rosa do céu

Luz refletida do sol

Formando um manto

Concedes-me essa dança

Rodopiando sob as estrelas faiscantes

Que nos protegem

E então ondas de calor

Me sujeito por teu corpo

 Solstício arauto dos atos

Cálido e sem jeito

Acordo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário