segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Piauí

Vultosos piauis

Que rompem o céu e os ares

Cornos súbitos de divindade

Égide alta e louca

Vertente da virilidade

O ceio como claro e sólido amor

Rijo desprotegido para mim

Irrompendo todo o resto

O que há ainda incompreendido

Segue-se amando

Nenhum comentário:

Postar um comentário